domingo, 15 de junho de 2014

O CAVALEIRO FANTASMA | CORNELIA FUNKE















Não sei se posso falar que gostei muito desse livro ou não, mas vamos lá.

O livro vai contar a história de Jon Withcroft, um garoto de 11 anos que vai para o internato de Salisbury para estudar.

Jon perdeu o pai quando tinha 4 anos, e depois de um tempo sua mãe começou a namorar um cara, cujo apelido é "Barba", o que já fala muito das características dessa pessoa.

Jon não gosta muito de Barba, tanto por achar que a mãe está trocando ele pelo Barba, quanto por achar que a mãe acha que Barba irá substituir seu pai. E tudo isso acontece porque sua mãe "tirou" ele de casa.

"Passei horas desenhando lápides com o nome do Barba [...]"
"Meu ódio por Barba era digno de Hamlet."

Lá no internato, quanto tinha quase todos os motivos do mundo para o Jon não gostar daquele lugar, acontece uma coisa um tanto quanto inesperada.

Uma bela noite, ele estava observando a rua pela janela de se quarto, quando ele percebe que existe TRÊS cavaleiros fantasmas, não um, TRÊS, observando ele com aquele olhar de "Vou matar você", que todos conhecem dos livros. Os fantasmas querem perseguir o Jon pois ele é um Withcroft, e esse nome tem uma maldição que vocês irão descobrir se lerem o livro.

Nisso ele faz uma nova amiga, a Ella Littlejohn, uma menina que será muito útil para o nosso amigo Jon.
Vendo a situação de Jon, Ella pede para ele fazer uma "visitinha" à casa de sua avó, Zélia, que vê fantasmas que pode ajudar Jon.

Ella sugere que Jon vá pedir ajuda ao Sir Willian Longspee, um nobre cavaleiro que jurou que cuidaria dos fracos e desprotegidos.

Bom, agora é só você pegarem o livro e lerem, pois não posso falar muito da história, pois se falar mais vou acabar contando o livro todo.

Agora vamos falar sobre a narrativa:
A narrativa é toda em primeira pessoa pelo ponto de vista do Jon, e por isso percebemos que sua mente está a frente de seu tempo.

Gostei da escrita da Cornelia, por isso quero ler outros livros da autora, só me falta o dinheiro para isso.
Gostei da forma como ela me deu uma aula de história, colocando fatos reais na história, o que fez com que os acontecimentos do livro não ficassem tão fantasiosos, como eu tava esperando.

Ah, e sobre eu ter gostado ou não do livro, era porque eu tinha lido em duas semanas, mas acho que isso foi uma coisa um tanto quanto pessoal, pois estava em período de provas, então não poderia me focar muito no livro, mas eu recomento pra quem gosta de livros sobre amizade.

PONTOS FORTES: (Vale falar da capa?). Narrativa bem construída e poética.
PONTOS FRACOS: Achei que em certas partes a autora enrolou um pouquinho, mas no todo, não achei muitos pontos fracos.
AVALIAÇÃO FINAL:
O livro leva quatro "estrelas", pois demorei a ler, e não achei de todo incrível, mas é recomendado.

2 comentários:

  1. Muito bacana sua resenha, Giovani! Bem escrita e ponderada! Não esqueça de nos visitar no Leio EU! Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Leonardo, seu comentário vale Ouro XD

      Pode deixar ;)

      Excluir

Seu comentário será lido e devidamente respondido. Obrigado por comentar!